Você também sente pavor de cruzar o caminho de pessoas egocêntricas, intolerantes e arrogantes? 

              Essas pessoas podem ser uma fonte de grande irritação, que, lendo esse post quero  ajudar você a diferenciar pessoas arrogantes das nem tão arrogantes assim. Quase sempre o problema está nelas, não em você.


                A insegurança tem várias caras, sabia? 

               A pior delas ainda é a arrogância. 

          O ser de caráter arrogante mostra ser quem não é mas faz questão de enganar com força, de abafar o caso dando ares de quem está por cima.

     Quando nos deparamos com pessoas arrogantes, o que sentimos?

         A impressão é a de que pessoas arrogantes se acham muito superiores a nós, porém, num segundo momento descobrimos que, na realidade,  pode ser exatamente o contrário. 

      De tão baixo estima que sentem, dão de superior para, literalmente, tocar a vida.

        A sensação que sempre tive é de que os arrogantes não se suportam a si mesmo, são escorpiões mordendo o rabo para não entregar o que acham deles mesmos.

         Quando você conviver com uma pessoa arrogante, fique alerta, distancia-se nos ataques de superioridade para não passar raiva nem sentir pena. As duas coisas não valem muito a pena.

      Você precisa saber que as pessoas arrogantes nem sempre as pessoas arrogantes e presunçosas se acham o “último biscoito do pacote”, pelo contrário, elas têm sérios problemas de autoestima e precisam conhecer, reconhecer e aceitar seu valor.


                                                 




      Mas, perguntemos alhures: Como detectar e uma pessoa arrogante?


1. Pessoas arrogantes geralmente não se acham superiores.

Parece difícil de acreditar, mas as pessoas arrogantes quase nunca se sentem melhores do que ninguém.

       Ao contrário, aquela atitude pretensiosa de arrogância vem exatamente do fato de acreditarem que elas  têm um valor inferior, podendo refletir até um complexo de inferioridade.


                 2. Pessoas Arrogantes são muito frágeis

      Essa aparência de arrogante em geral vêm de pessoas muito sensíveis, que acabam por reagir à mínima atitude de indiferença ou de rejeição.

       É muito fácil ferir seu ego e seus sentimentos. Uma palavra mal colocada e/ou  uma atitude despretensiosa podem ser interpretadas como um afronta e desencadear a fúria da pessoa arrogante.


              3. Pessoas arrogantes precisam de autoafirmação

          Elas precisam provar o tempo todo que têm valor exatamente por acreditarem no contrário, por isso adoram exaltar seus feitos e falar de suas qualidades, algumas das quais podem, inclusive, ser bem fantasiosas, o que exteriormente, à boca pequena, as pessoas chamam de mentira.
É possível também que falar mal dos outros seja apenas uma estratégia inconsciente de trazê-los para o ranking  de extrema inferioridade em que acreditam estar.


4. Pessoas arrogantes podem ser muito generosas.

           As posturas de soberba podem mascarar uma personalidade generosa.
Algumas pessoas estão tão preocupadas em se defender da sua sensação de falta  de valor pessoas que dão a si mesmas que acabam por oprimir sua própria bondade. Portanto não misture arrogância com o caráter da pessoa.


5. Pessoas arrogantes são muito infelizes

         A sensação de desconforto persegue os arrogantes o tempo todo, eles querem algo da lua mas não têm nave espacial, sentem-se incompreendidos como peixe fora d´água.

      É impossível ser feliz de verdade carregando em si essa necessidade de humilhar os outros para se sentir melhor.

          Cada vez que seu ego é agredido, cria-se um tormento no seu peito que acaba tomando a forma da soberba para as pessoas que as cercam.

          Há quem até sofra muito por ter atitudes arrogantes.



                6. Pessoas arrogantes não pensam que sabem tudo.

         Pessoas arrogantes, geralmente, insistem que as coisas sejam feitas à sua maneira, não porque acreditam que seja a mais correta, mas porque é a forma que têm de provar como são importantes e nunca falham.

        Essa uma dura consequência da briga interior incessante que travam contra a desconfiança que têm da sua própria capacidade.



             7. Pessoas arrogantes precisam de muito amor.

       A arrogância nasce exatamente de uma enorme lacuna de amor e valorização que tais pessoas carregam dentro de si. 

      Uma criação hostil pode dar origem a essa crença de que não são bons o suficiente. 

     Sim, às vezes, a arrogância é um grito de socorro ou por um pouco de amor. Sentirem-se valorizadas e gostadas acalma seus corações porque, a partir do momento que entendem seu valor, perdem a necessidade de provar que são especiais.

    Portanto, da próxima vez que cruzar com alguém arrogante, entenda que você está diante de uma pessoa carente de amor e tenha compaixão. 

      Quando você perdoa a soberba, está não só quebrando a energia negativa que o outro lhe envia, mas também acalmando o seu próprio coração.

0 Comentários