O povo japonês é admirado em todo o mundo, claro, pelo conjunto da obra, mas principalmente por sua espiritualidade, resiliência, disciplina, tecnologia e cultura. 

Seus provérbios são motivadores, nos incentivam a clarear a vida, enxergando o lado bom da vida; trabalharmos isso em nós mesmos para nos tornarmos cada vez mais fortes.

O Japão ora parece um país voltado para o passado. que valoriza tradições e guetos autóctones; ora parece um povo olhando fixamente para o futuro, com tudo que tem direito. Possui um dos maiores desenvolvimentos tecnológicos do mundo, mas, ai está sua sabedoria; mesmo nos tempos atuais, o Japão alimenta vínculo forte com suas tradições e sua cultura é muito influenciada pela sabedoria ancestral.

Veja a seguir como isso é bem forte por lá:
 


Sobre analisar nossas velhas atitudes antigas para aprender como agir certo sem repetir os mesmos erros. Mas, no Japão, se evita viver no passado, apenas deseja-se usá-lo como farol para se enxergar melhor no presente e no futuro:

“Estudando o passado, você aprende o novo.”



Sobre a cobiça e incerteza das tentativas na vida. Não raras vezes as coisas não saem conforme planejamos, não é? Em grande parte, passamos mais tempo reclamando pelo que não deu certo, perdendo a oportunidade de agradecer por aquilo que conseguimos realizar. Dessa forma, nunca vamos dar conta de realmente apreciar as coisas boas e belas na paisagem do tempo assim focados apenas naquilo que “perdemos:

“O peixe que escapa sempre parece o maior.”



Sobre nunca esquecer que as pessoas com as quais nos relacionamentos influenciam nosso comportamento, nossas atitudes e nosso caráter. Vem dai atentarmos para os relacionamentos que estamos criando e se eles realmente nos influenciam positivamente na vida:

“É melhor ser o inimigo de uma boa pessoa do que o amigo de uma pessoa má.”



Sobre assumir que o riso faz bem para a saúde física e emocional. Que é um dos maiores investimentos a fazer em nós mesmos e por nós mesmos:

“O tempo que você gasta rindo é o tempo gasto com os deuses.”



Sobre ter firmeza e consistência nas decisões. Quando você escolhe seguir um caminho, vá em frente sem medo de ser feliz, abrace a surpresa e assuma as consequências, pois até isso pode ser bem divertido:

“Se você já pensou sobre, decida-se. Se você já se decidiu, não pense mais sobre.”





Quem muda a própria realidade  apenas com promessas? É preciso atitude para criarmos o mundo que desejamos para nós mesmos. Japoneses insistem que realidades são construídas com atitude:


“Não se esquenta uma casa com a promessa de lenha.”



Sobre a consciência de que sempre temos tudo o que precisamos para realizar sonhos e desejos. Tornamos isso real quando não perdemos de vista que tudo é uma conquista com passo a passo de crescimento e experiência:

“Não diga: É impossível. Diga: Eu ainda não consegui realizar isso.”



 

0 Comentários