Técnicas de administração eficaz do tempo


A ordem do dia é ganhar e não perder... Então vamos otimizar o tempo, poupar energia e realizar mais?

Não sei quantos sim e quantos não acreditam na parte cientifica da administração que proclama administração do tempo. Seria mesmo o tempo administrável pelo comportamento humano que não se garante nem sentado sozinho no seu quarto?

Mas, enfim... se você estiver com os que acreditam que há como pelo menos se disciplinar diante da sucesssão de segundos chamada tempo, lá vai algo para somar. Bom demais não é?

Então comece não entupindo o seu dia com tarefas soltas daquelas gostosas e urgentes. São coisas com as quais você provavelmente não consegue produzir saldo positivo no fim da jornada e, ainda, acabará sentindo-se esgotado, frustrado e até trocando de mal consigo mesmo.

Trocar de mal consigo mesmo é grave e a gente já conhece o preço. 

Pode ser uma vida sem frutos nem prosperidade, a incomodação da família, a sensação de incapacidade pessoal, até fadigas, vergonha, solidão, insegurança, ansiedade, medo, pânico  e até depressão no cume da cadeia de autodepreciação.

Também não adianta fazer listas e planilhas se isso não vai colocar realmente seu foco onde ele tem que estar.

Para ser mais produtivo você pode incluir ou reincluir aos seus hábitos pelo menos estes 7 toques ou retoques. Moldando essas dicas à sua rotina e ao seu ritmo de trabalho, você encontrará resultados sensacionais. 

Mas, não custa lembrar também, que para qualquer técnica de produtividade funcionar, é preciso acreditar no que se quer alcançar. Defina bem seus objetivos! Estamos juntos nessa!!!

 

1-   Escolha suas prioridades. 


    Tenha bem claro nas horas do dia quais são as suas atividades essenciais, sem as quais você não atinge o day after, quebra as pernas, cai e se arrebenta.

 

Em seguida, elenque suas atividades importantes e vá colocando logo abaixo das essenciais em 2º grau de providências na sua busca pelo ouro.

Descreva para ter claro e para saber quais são suas atividades acidentais, incluindo as urgentes, as imprevistas, as simpáticas, as desejadas... Essas geralmente nos roubam o foco e a força, não levando para direção alguma.

 

 depois de detectar as atividades essenciais e as importantes é que você vai fazer o que for possível, na vida como ela é vem primeiro o dever depois o prazer.

 


2-    Reconsidere ter uma agenda

 

Pode parecer óbvio falar em agenda para quem quer se organizar, olhe ao redor, quantos se esquecem disso na prática. Agenda não é optativo possuir, pois ter suas tarefas colocadas no papel por ordem de prioridade realmente ajuda a cumpri-las. 

A função da agenda não é pressionar, pelo contrário, é ajudar a visualizar tudo o que você tem de mais importante a fazer. 

Anote todos os itens pelo grau decisivo que terão sobre o resultado final dos seus objetivos de cada dia: some-os de acordo com o seu tempo disponível, sucessivamente pensando em semanas, meses, anos, décadas, sua história geral. 

Sua agenda é importante inclusive para separar os momentos que  você vai espairecer, pensar em diversão, na esbórnia completa, não trabalhando,  como praia, durante encontros com os amigos ou tempo livre com a família. 

Respeite os intervalos de tempo e você logo aprenderá a organizar seus dias da forma como funcionar melhor para você.

 

3- Maneire no e-mail e nas redes sociais


Leva a mal não, mas as pessoa não sai das redes sociais. Xonou tá lá, tomou um pé tá lá, desxonou tá lá; tudo é motivo pra esfarelar o tempo como se a sua vida fosse vida de gato. 

Bastar passar usando as redes sociais em um smartphone em frente a uma tela de computador.

 

O impulso de ver o que está acontecendo o tempo inteiro tem até nome, fear of missing out, ou medo de estar perdendo algo. 

Ele é um dos males da vida moderna e leva muita gente a desperdiçar horas de seu tempo útil checando as redes para ver se aconteceu alguma novidade. 

Notou já que mesmo quem não tem essa ansiedade perde minutos checando o e-mail sempre que algo novo chega.

 Para evitar isso, separe períodos de tempo específicos para checar suas notificações. Sugestão: pode ser ao final de um bloco de trabalho ou assim que voltar do almoço. 

O importante é não se deixar distrair quando sua mente estiver focada no trabalho. Para não deixar ninguém esperando uma resposta no e-mail, você pode até programar uma resposta automática, avisando que responderá as mensagens assim que estiver disponível.

 


4- Faça blocos de trabalho


Divida o tempo do dia em blocos de foco e de descanso é uma forma de não esgotar sua mente e de evitar distrações. 

Essa técnica Pomodoro é uma ferramenta de produtividade muito útil que prega exatamente isso. Você programa 25 minutos de atividade sem qualquer interrupção, nem para se dedicar a outra ideia, nem para olhar o celular. 

Depois desse tempo, você dá uma pausa entre cinco e dez minutos para fazer qualquer coisa, como tomar um café, esticar as pernas ou apenas pensar em coisas diferentes. 

Essa técnicas pode inclusive ajudar a aliviar o fear of missing out, você pode se “convencer” a não checar as redes sociais, se souber que dali a 25 minutos terá um tempinho livre para fazer exatamente isso.

 


5- Reserve um tempo livre


 

Esse tempo livre também pode ser útil caso você queira adiantar alguma tarefa ou para se dar um merecido descanso caso sua mente peça uma pausa.

Encher cada minuto disponível com alguma atividade não só vai te deixar esgotado, como também pode causar uma avalanche de tarefas atrasadas sempre que o menor imprevisto surgir. 

É importante ter janelas de tempo entre suas principais responsabilidades para que você possa encaixar qualquer coisa inesperada que surgir. 


 

6- Encontre seu pico de produtividade


Algumas pessoas são matutinas, outras vespertinas e há também as que são noturnas. 

É claro que emprego, faculdade ou outras responsabilidades nem sempre nos permitem realizar atividades no nosso horário preferido, mas ainda assim, existem os momentos nos quais nossa mente está mais ativa. 

Quando você identificar o seu pico de produtividade, pode colocar suas tarefas mais difíceis nesse horário, pois elas renderão bem mais e, durante o resto do dia, você se dedica ao que é mais fácil.

 O segredo da produtividade é encontrar aquilo que mais funciona para você ganhar tempo, produzir mais e ser feliz. 

A técnica Pomodoro, no entando, pode ser usada com blocos  mais curtos ou mais longos, dependendo de como a sua concentração funciona. 


0 Comentários